UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

03/05/2010 - 13h36

Guarani tem prioridade em projetos de etanol da Petrobras em SP

RIO DE JANEIRO (Reuters) - A Açúcar Guarani terá prioridade nos projetos que a Petrobras quiser desenvolver em São Paulo para produção de etanol, afirmou nesta segunda-feira o diretor internacional do grupo francês Tereos, Alexis Duval.

Em teleconferência com analistas, o executivo do grupo que controla a Açúcar Guarani lembrou que apesar da cláusula que garante preferência em projetos paulistas, a Petrobras já tem uma parceria com a Total em Minas Gerais, e não há nada que impeça novos projetos no setor em outros Estados.

"O presidente da Petrobras falou em fazer da Guarani uma plataforma de crescimento no Brasil, mas não é a única atuação da empresa no setor", disse Duval a analistas.

"Agora, para o Estado de São Paulo a Guarani tem preferência para projetos futuros de ambas as partes", explicou.

A Petrobras e o grupo francês Tereos anunciaram na sexta-feira parceria estratégica que prevê investimento de 1,6 bilhão de reais da estatal na Açúcar Guarani, com objetivo de aumentar a produção de etanol no país e marcando o primeiro passo relevante da Petrobras no setor.

Pelo plano estratégico da empresa para o período 2009-2013, que está sendo revisado, a intenção era de que a companhia estivesse produzindo 4,129 bilhões de litros em 2013, sendo que desse total 1,931 bilhão viriam de aquisições no mercado interno. Para 2010 o plano indica produção de 869 milhões de litros, com 762 milhões adquiridos no mercado interno.

Com a compra de parte da Guarani --45,7 por cento ao final da transação-- a Petrobras garantiu acesso à de cerca da metade de uma produção de 490 milhões de litros de etanol, volume previsto pela Guarani para a safra 2010/11.

(Por Denise Luna)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host