UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

04/05/2010 - 11h41

Desemprego na Espanha cai pela 1a vez desde julho de 2009

MADRI (Reuters) - A taxa de desemprego na Espanha caiu ligeiramente pela primeira vez desde julho de 2009, para 4,14 milhões de pessoas, embora alguns economistas não acreditem que a queda marque a tendência de baixa esperada pelo governo.

A taxa de desemprego caiu 0,58 por cento em abril, após ter subido 0,87 por cento em março, mostraram dados do Ministério do Trabalho espanhol nesta terça-feira, em linha com o relatório que vazou no sábado. Isso significa que 24.188 pessoas deixaram de estar desempregadas.

"O desemprego deixou de crescer no mesmo ritmo que nos meses anteriores, mas não se pode falar que a taxa de desemprego está parando de crescer porque, apesar de a economia estar se recuperando, isso não quer dizer que está começando a criar emprego", disse José Luis Martínez, analista do Citigroup.

O índice de confiança do consumidor espanhol também subiu em abril para 78,2, de 72,7 em março, mas continuou abaixo da marca de 100 que indica otimismo entre os consumidores.

Os números desta terça-feira vêm após dados divulgados na sexta-feira, que mostravam que a taxa de desemprego excedeu 20 por cento no primeiro trimestre, o dobro da média dos países da zona do euro.

(Reportagem de Manuel Ruiz e Sarah Morris)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host