UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

31/05/2010 - 09h49

Mercado mantém previsão de inflação em 2010 após 18 altas

SÃO PAULO, 31 de maio (Reuters) - O mercado brasileiro manteve suas estimativas para a alta do Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) neste ano e no próximo, em, respectivamente, 5,67 e 4,80 por cento, mostrou relatório Focus divulgado nesta segunda-feira.

O novo número para este ano interrompe 18 semanas de alta, enquanto o de 2011 está sendo mantido há 7 semanas.

O prognóstico para a inflação em 12 meses também caiu, para 4,76 por cento, ante 4,81 por cento na semana anterior.

A estimativa para o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) neste ano aumentou para 6,47 por cento, contra 6,46 por cento na semana passada, enquanto para 2011 permaneceu em 4,50 por cento.

O mercado também manteve o cenário para Selic nos dois anos, em 11,75 por cento neste ano e em 11,50 por cento no seguinte. A estimativa para o juro na reunião de junho do Comitê de Política Monetária (Copom) permaneceu em 10,25 por cento, o que significa uma alta de 0,75 ponto percentual ante o patamar atual.

As estimativas para o câmbio neste ano e no próximo ficaram estáveis em, respectivamente, 1,80 real e 1,85 real.

A previsão para o superávit da balança comercial em 2010 foi elevada para 15 bilhões de dólares, ante 14,54 bilhões de dólares na semana anterior. Para 2011, ela permaneceu em 4,5 bilhões de dólares.

(Por Vanessa Stelzer)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host