UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

10/06/2010 - 19h15

Bolsas dos EUA fecham em alta com ações de energia e euro

Por Rodrigo Campos

NOVA YORK (Reuters) - As bolsas de valores norte-americanas registraram nesta quinta-feira a maior valorização em nove dias, em resposta a sinais de melhora no mercado de dívida da zona do euro e à demanda por ações de energia após a baixa da véspera.

O índice Dow Jones, referência da bolsa de Nova York, avançou 2,76 por cento, para 10.172 pontos. O termômetro de tecnologia Nasdaq subiu 2,77 por cento, para 2.218 pontos. O Standard & Poor's 500 ganhou 2,95 por cento, a 1.086 pontos.

O setor de energia liderou o avanço geral do mercado, com quase todas as ações do S&P 500, exceto quatro, fechando no azul.

O índice S&P de energia ganhou 4,9 por cento. Os papéis da BP negociados em Nova York saltaram 12,3 por cento, um dia após despencarem quase 16 por cento.

Na Europa, a Espanha vendeu 3,9 bilhões de euros em títulos de três anos, numa operação com forte demanda, um sinal positivo para investidores preocupados com o apetite por bônus de endividadas nações europeias. O euro subia 1,2 por cento, acima de 1,20 dólar.

Num outro front, a China confirmou que suas exportações saltaram quase 50 por cento em maio na comparação com o mesmo mês do ano passado. O dado tranquilizou investidores, que temem o impacto da crise europeia sobre a recuperação global.

"O leilão no mercado de títulos espanhol teve êxito e a força dos números nas exportações chinesas foi benéfica", disse Brian Lazorishak, gerente de portfólio da Chase Investment Counsel, em Charlottesville, Virgínia.

A valorização de 1,5 por cento nos preços do petróleo deu fôlego extra às ações de energia.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host