UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

05/07/2010 - 17h49

Feriado nos EUA "congela" dólar, com pouco volume

Por Silvio Cascione

SÃO PAULO (Reuters) - O feriado nos Estados Unidos manteve o dólar praticamente estável nesta segunda-feira, em uma sessão com volume muito abaixo da média.

A moeda norte-americana teve variação positiva de 0,06 por cento, para 1,779 real.

O volume parcial registrado na clearing (câmara de compensação) da BM&FBovespa era de apenas 1 bilhão de dólares, contra média de 2,7 bilhões de dólares em junho.

Operadores comentaram que o movimento foi menor até do que nos dias de jogos do Brasil na Copa do Mundo. Em 15 de junho, na estreia da seleção contra a Coreia do Norte, o volume ficou em cerca de 2 bilhões de dólares, por exemplo.

O mercado norte-americano ficou parado nesta segunda-feira devido ao Dia da Independência, celebrado em 4 de julho.

Outras moedas também tiveram variações tímidas e pouca liquidez. O euro, por exemplo, caía 0,13 por cento no fim da tarde, para 1,2540 dólar, e se mantinha próximo a uma resistência técnica em torno de 1,26 dólar.

Embora os próximos dias devam ter naturalmente um movimento mais intenso com a volta das operações em Nova York, o feriado de sexta-feira em São Paulo e a escassez de indicadores relevantes no Brasil e no exterior podem manter a volatilidade restrita no mercado de câmbio.

Internamente, permanece a expectativa com a possibilidade de um ingresso mais firme de recursos no país após semanas de fluxo negativo ao longo de junho. Diversas empresas têm ensaiado captações no mercado, como CSN, Magnesita, Votorantim e Banco Mercantil do Brasil, segundo dados do IFR, um serviço de informações da Thomson Reuters.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host