UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

08/07/2010 - 11h45

FMI: EUA se recuperam, mas desemprego e moradias são risco

WASHINGTON (Reuters) - O Fundo Monetário Internacional (FMI) disse nesta quinta-feira que a recuperação da economia dos Estados Unidos mostrou-se mais forte que o esperado, mas ainda segue vulnerável ao alto desemprego e à fraqueza do setor imobiliário.

O FMI elevou sua previsão para o crescimento dos EUA a 3,3% neste ano e a 2,9% em 2011, mas disse que o desemprego seguirá acima de 9% nos dois anos e que a inflação continuará baixa.

"As perspectivas melhoraram em linha com a recuperação, mas a contínua fraqueza no orçamento das famílias e nos balanços financeiros e o alto desemprego devem continuar contendo o gasto privado", afirmou o FMI.

(Por David Lawder)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host