UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

24/07/2010 - 11h05

Grécia receberá 2a parcela de ajuda da UE e do FMI--ministro

ATENAS (Reuters) - A Grécia irá receber uma segunda parcela do pacote de ajuda oferecido pela União Europeia e pelo Fundo Monetário Internacional após o país ter conseguido cumprir as condições estabelecidas em um plano de austeridade, disse neste sábado o ministro das Finanças grego.

Autoridades da UE, do FMI e do Banco Central Europeu estarão em Atenas na segunda-feira para verificar se a Grécia está implementando seu programa de 110 bilhões de euros (141,6 bilhões de dólares) para ter direito a mais 9 bilhões de euros em ajuda. Em maio, a Grécia recebeu 20 bilhões de euros de seus parceiros na zona do euro e do FMI.

"O desembolso da segunda parcela depende de nós cumprirmos as metas que estabelecemos para serem alcançadas até 30 de junho", afirmou o ministro das Finanças, George Papaconstantinou, em uma entrevista ao jornal semanal Kosmos tou Ependyti.

"Essas condições foram atingidas e demos um passo a mais ao aprovar o projeto de reforma nas pensões", acrescentou.

A UE, o BCE e o FMI deram ao país, atingido por uma crise de dívida, bons sinais no final de junho, dizendo que a Grécia parecia estar cumprindo o plano de cortes de despesas públicas, aumento de receitas e fazendo reformas estruturais. Mas eles também apontaram alguns problemas, incluindo os gastos hospitalares e com seguridade social.

O ministro também reiterou seu pedido para que os bancos gregos unam suas forças para levar liquidez ao mercado e ajudar a impulsionar a economia do país.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host