UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

01/08/2010 - 13h20

Telecom dos Emirados confirma proibição ao Blackberry

RIAD (Reuters) - Controlada pelo Estado, a companhia Saudi Telecom (STC) confirmou a proibição estatal dos serviços de mensagem do Blackberry, de acordo com declarações de um membro do conselho à televisão Al Arabiya.

A proibição acontece após os Emirados Árabes Unidos anunciarem que iriam suspender o Blackberry Messenger (o serviço de mensagens), e-mails e serviços de web browser, em 11 de outubro, citando preocupações com a segurança, já que dados criptografados não podem ser controlados.

"Espero que esta seja apenas uma forma de pressão sobre o Research in Motion (fabricante do Blackberry), para que se prepare para fornecer informações quando necessário", disse o membro do conselho Abdulrahman Mazi, ao canal de língua árabe.

Antes das declarações no domingo, fontes da Reuters afirmaram que o órgão regulador havia decidido pelo congelamento efetivo já em agosto.

A Saudi Telecom tem cerca de 400 mil usuários do Blackberry nos Emirados. A Rival Mobily tem 270 mil, enquanto Zain Saudi Arabia conta com cerca de 20 mil usuários.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host