UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

11/08/2010 - 21h03

Kroton Educacional avalia venda de instituições de ensino

SÃO PAULO (Reuters) - A Kroton Educacional anunciou nesta quarta-feira que está estudando associações ou parcerias e, eventualmente, a venda de uma ou mais unidades de ensino do grupo.

"A companhia celebrou, com potenciais interessados, acordos de confidencialidade com o objetivo de permitir a mútua análise de possíveis operações dessa natureza", segundo fato relevante da Kroton. "Neste momento, nada existe de vinculante ou de desfecho previsível com relação às operações em análise", acrescentou, sem dar mais detalhes.

O movimento da Kroton acontece em meio à consolidação no setor privado educacional brasileiro.

Grupos estrangeiros e nacionais estão confiantes no aumento da escolarização no Brasil, com o avanço da renda média da população e uma demanda cada vez maior por mão de obra qualificada no país.

Em 22 de julho, o grupo editorial britânico Pearson fechou a compra do sistema de ensino e de parte dos ativos do Sistema Educacional Brasileiro (SEB) por 888 milhões de reais.

Dez dias antes, em 12 de julho, a Abril Educação, da família Civita, dona da Editora Abril, anunciou a compra da Anglo --incluindo sistema de ensino, vestibulares e a Siga, empresa especializada na preparação para concursos públicos. O valor do negócio não foi revelado.

A Kroton diz ser um dos maiores grupos educacionais do Brasil, com atuação no Ensino Básico há mais de 40 anos e no Ensino Superior desde 2001.

A companhia provê serviços de educação, tecnologia de ensino e material didático para uma rede de mais de 720 escolas associadas em todos os Estados do Brasil, com mais de 265 mil alunos. No Ensino Superior, a Kroton é dona ou opera 40 unidades em 28 cidades de 10 Estados brasileiros, com mais de 86 mil alunos.

(Reportagem de Cesar Bianconi)

Hospedagem: UOL Host