UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

18/08/2010 - 09h34

Moçambique aprova construção de hidrelétrica de US$2 bi, diz jornal

MAPUTO (Reuters) - Moçambique aprovou a construção de uma usina hidrelétrica da ordem de US$ 2 bilhões, em um movimento para aumentar a geração de energia e atrair investimento estrangeiro, informou nesta quarta-feira o jornal Notícias, controlado pelo governo.

Segundo a publicação, o ministro de Energia, Salvador Namburete, afirmou que a nova barragem de Mphanda Nkuwa será construída a 60 quilômetros da hidrelétrica de Cahora Bassa, no rio Zambezi, e será capaz de gerar 1.500 megawatts.

Namburete disse que 20% do controle da usina ficará nas mãos da estatal Electricidade de Moçambique (EDM), enquanto os 80% restantes serão compartilhados pela joint venture formada entre a empresa local Energia Capital e a brasileira Camargo Corrêa.

"Esta infraestrutura trará investimentos de qualidade que irão contribuir para a industrialização e o desenvolvimento econômico e social do país", afirmou ele.

Segundo o ministro, quatro turbinas, cada uma com 375 megawatts de capacidade, serão construídas na primeira fase do projeto, que deve ter início em 2011.

Nesta quarta-feira, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva recebe o primeiro-ministro de Moçambique, Aires Aly, em Brasília. A agenda com detalhes do encontro, no entanto, não foi disponibilizada.

(Por Charles Mangwiro)

Hospedagem: UOL Host