UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

06/01/2009 - 16h50

ABInbev admite ter planos de fechar fábrica no Reino Unido

SÃO PAULO - A gigante Anheuser-Busch InBev (ABInbev) revelou hoje ter planos de fechar uma fábrica no Reino Unido, com a possibilidade de cortar mão-de-obra local para ajudar na redução das despesas para fazer frente aos gastos previstos com a fusão que formou a companhia no ano passado.

Segundo um comunicado distribuído hoje pela subsidiária da ABInbev no Reino Uindo, conversas formais já começaram e incluem uma proposta de fechar a cervejaria Stag, que fica ao sudoeste de Londres, no distrito de Mortlake. Uma "potencial redução no número de postos de trabalho" também está em discussão, de acordo com o documento. A nova empresa está reduzindo custos desde a união das duas cervejarias, tendo anunciado corte de empregos nos Estados Unidos para gerar uma economia de US$ 1,5 bilhão por ano, além do fechamento de uma fábrica na Rússia por tempo indeterminado. Pressões na indústria cervejeira do Reino Unido, que convive com altos custos de energia, cevada e lúpulo, cresceram em novembro, quando o governo elevou em cerca de 8% a tributação que incide sobre a produção de cerveja.

"Isso também é uma resposta para as desafiadoras condições de mercado e os significativos custos resultantes da taxação recorde sobre a cerveja, que mostra que precisamos propor algumas mudanças agora", informou a ABInbev. "As propostas para o Reino Unido estão sujeitas a uma consulta ampla com nossos funcionários e seus representantes", ponderou a cervejaria. (Valor Online, acom agências internacionais)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host