UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

01/07/2009 - 10h43

Bovespa opera acima dos 52 mil pontos e dólar cai a R$ 1,931

SÃO PAULO - O mercado é comprador neste começo de mês e sinal disso é que dados econômicos negativos nos Estados Unidos não mudaram o ímpeto dos investidores. Por volta das 10h30, na Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa), as compras eram generalizadas, garantindo valorização de 1,22% para o Ibovespa, que marcava 52.091 pontos. O giro financeiro estava em R$ 335 milhões.

Em Wall Street, o Dow Jones ganhava 0,40%, enquanto o Nasdaq subia 0,65%. Os investidores passaram por cima dos dados de emprego da ADP. A empresa que processa folhas de pagamento mostrou que o setor privado americano perdeu 473 mil vagas no mês passado, mais do que o esperado. Os números de maio foram revisados, de corte de 532 mil para redução de 485 mil vagas. O dia ainda reserva o índice de atividade no setor industrial, os gastos com construção, as vendas pendentes de imóveis e os estoques de petróleo e derivados.

Parte do bom humor generalizado do dia pode ser atribuída à divulgação de indicadores de atividade melhores na China, Reino Unido e zona do euro. O ambiente marcado pela menor aversão ao risco também faz preço no câmbio, tirando atratividade do dólar, e nas commodities. O barril de WTI, por exemplo, sobe forte no pregão de hoje reconquistando a linha dos US$ 71. No câmbio doméstico, os vendedores fazem o preço da moeda. Há pouco, o dólar comercial recuava 1,68%, para R$ 1,931 na venda, menor preço em mais de duas semanas.

De volta à Bovespa, liderando o volume negociado, Vale PNA apontava alta de 1,34%, para R$ 30,25, e Petrobras PN ganhava 1,47%, a R$ 32,93. Recuperando parte das perdas recentes, Redecard ON aumentava 1,42%, para R$ 30,58. A rival Visanet, que chegou segunda-feira ao mercado, subia 3,44%, para R$ 17,43, com elevado volume financeiro.

No setor financeiro, Itaú Unibanco PN valorizava 1,02%, a R$ 31,40, e Bradesco PN aumentava 0,79%, a R$ 29,21. Banco do Brasil ON subia 1,51%, a R$ 21,50.

Depois de cair forte, ontem, GOL PN puxava os ganhos, avançando 3,03%, a R$ 11,22. Telemar ON, Vivo PN, Copel PNB e Gerdau PN aumentavam mais de 2% cada.

Fora da festa, AmBev PN diminuía 1,49%, a R$ 125,50, Ultrapar PN cedia 0,86%, a R$ 61,60, e Duratex PN devolvia 0,13%, a R$ 21,68.

(Valor Online)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host