UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

02/09/2009 - 07h42

Investidores olham para emprego nos EUA e Copom nesta quarta-feira

SÃO PAULO - Os eventos externos e internos dividem a atenção dos investidores nesta quarta-feira. O ponto alto do dia é a decisão sobre os juros do Banco Central brasileiro, que será apresentada após o encerramento do mercado.

Nos EUA, o destaque fica por conta dos dados de emprego da ADP, empresa que processa folhas de pagamento. A previsão é de que o setor privado americano tenha perdido de 246 mil a 255 mil vagas no mês passado, contra 371 mil em julho. Ainda pela manhã, os investidores recebem, dos Estados Unidos, os dados sobre as encomendas à indústria, a revisão dos números sobre a produtividade do trabalhador americano e a variação semanal nos pedidos por empréstimos hipotecários. À tarde, as atenções se dirigem para a ata do Federal Reserve (Fed), banco central americano. O documento traz de forma mais detalhada a percepção da autoridade monetária quanto à atividade à época de sua última reunião, realizada dias 11 e 12 de agosto.

Na agenda doméstica, aparecem o Índice de Preços ao Consumidor (IPC), da Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe), e o IPC-S capitais da Fundação Getúlio Vargas (FGV). Também será conhecida a variação semanal no fluxo cambial. Quanto à decisão do Comitê de Política Monetária (Copom), o consenso sugere estabilidade da Selic em 8,75%. Na Europa, os agentes recebem a leitura do Produto Interno Bruto (PIB) no segundo trimestre. Na quinta-feira, a agenda é pouco carregada, com destaque para a decisão de juros do Banco Central Europeu (BCE). A semana acaba com os dados oficiais sobre o mercado de trabalho dos EUA em agosto.

(Eduardo Campos | Valor Online)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host