UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

03/09/2009 - 19h32

Após polêmica, Petrobras segue em índice de sustentabilidade nos EUA

SÃO PAULO - Na semana em que foi anunciada como operadora exclusiva das reservas do pré-sal, a Petrobras informou que seguirá, pelo quarto ano consecutivo, listada no Índice de Sustentabilidade da Dow Jones (DJSI). A estatal teve sua presença confirmada hoje pela Dow Jones, juntamente com outras cinco empresas brasileiras. A manutenção da Petrobras no índice chega quase um ano após um grupo liderado por organizações não governamentais ligadas ao meio ambiente ter enviado carta para a Dow Jones solicitando a exclusão da estatal, que estaria mantendo altos teores de enxofre no diesel que produz. Em 2008, as ações da Petrobras foram excluídas do Índice de Sustentabilidade Empresarial da Bolsa de Valores de São Paulo. O motivo para essa decisão não foi divulgado. Em nota, a estatal informou que recebeu nota máxima nos quesitos "Transparência" e "Desenvolvimento de Recursos Humanos", além de ter sido considerada benchmark no critério "Sistema de Gestão e Política Ambiental". A companhia disse ainda que teve desempenho "notável" nos quesitos "Energias Renováveis", "Impacto Social nas Comunidades" e "Biodiversidade". "A permanência no índice reflete o reconhecimento do compromisso da companhia em pautar todas as suas atividades e operações em aspectos sociais e ambientais, minimizando seus impactos na sociedade e no meio ambiente", comentou a Petrobras. A composição do DJSI é determinada pelos desempenhos ambiental, social e econômico de mais de 317 companhias em 58 setores mundo afora. Além da Petrobras seguem no índice as brasileiras Aracruz, Bradesco, Cemig, Itaú Unibanco, Itaúsa, e Redecard. (Murillo Camarotto | Valor Online)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host