UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

28/09/2009 - 12h17

Ação da Tivit estreia com baixa na Bovespa

(Texto atualizado às 14h39)

SÃO PAULO - A ação ordinária da Tivit estreia com queda no Novo Mercado da Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa). A empresa de terceirização e tecnologia da informação chegou ao mercado com uma oferta secundária de 38.304.446 ações.

Por volta das 14h35, os papéis negociados sob o código TVIT3 caíam 2,07%, a R$ 14,69. O volume negociado era elevado, passando de R$ 48 milhões. Na máxima, o ativo bateu R$ 15,17 e, na mínima, chegou a R$ 14,65.

O preço de emissão das ações foi fixado em R$ 15, abaixo da faixa estimada, que ia de R$ 16,50 a R$ 20,50 por ação. Com isso, a operação movimentou R$ 574 milhões.

Vale lembrar que já está registrado na Comissão de Valores de Mobiliários (CVM) o exercício do lote suplementar de 15%, o que leva o valor da oferta a R$ 660 milhões.

As ações do lote suplementar podem ser vendidas dentro de um prazo de 30 dias.

Por ser oferta secundária, todo o dinheiro obtido com a venda dos ativos vai para o bolso dos acionistas vendedores, grupo formado por empresas controladas pela Votorantim Participações, que detém o controle indireto da Tivit, Pátria Investimentos e pessoas físicas que trabalham na companhia, como Luiz Mattar, presidente e membro do conselho de administração.

Nas próximas semanas o mercado digere uma sequência de ofertas, entre elas Rossi Residencial, PDG Realty e Santander.
(Valor)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host