UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

28/09/2009 - 16h14

Inadimplência de empresas cai 12,7% entre julho e agosto

SÃO PAULO - A inadimplência das empresas caiu 12,7% na passagem de julho para agosto, em sinal de melhoras das condições de crédito e de pagamento por parte do consumidor. Os dados constam de levantamento mensal da Serasa Experian, que também revela uma alta de 19,8% na comparação com agosto de 2008, ainda que o aumento seja o menor já apurado desde maio deste ano.

De acordo com técnicos da Serasa, a melhora do cenário de inadimplência no último mês acompanha a recuperação econômica, embora de maneira mais gradual, pois as empresas foram mais afetadas do que os consumidores pela turbulência global. No acumulado do mês, a inadimplência de pessoas jurídicas ainda registra elevação e saltou 28,6% no período de janeiro a agosto, ante igual intervalo de 2008.

A recuperação da empresas também não é uniforme, sendo que as exportadoras continuam sofrendo com o mercado externo mais restrito. Os dados mostram que a inadimplência empresarial medida por meio de títulos protestados prevaleceu de janeiro a agosto, respondendo por 41,6% do total de casos de atraso. Os cheques sem fundos responderam por 38,9% dos compromissos em atraso e as dívidas com bancos apontaram 19,4% do total. O valor médio das dívidas em atraso no período de janeiro a agosto aumentou em todas as modalidades de inadimplência.

A maior média foi observada nas dívidas em atraso com os bancos, que subiu 3,5% e ficou em R$ 4.567,57. No caso dos títulos protestados o aumento do valor foi de 19,6%, para uma média de R$ 1.794,56. No caso dos cheques sem fundos, o valor médio fechou o período acumulado em R$ 1.528,69, valor 19,1% maior do que o verificado no mesmo intervalo de 2008.

As expectativas da Serasa para os próximos meses é de declínio da inadimplência empresarial, até por conta de uma base comparativa que será pior daqui para o final do ano, dado que foi período em que a crise piorou em 2008. Para o ano de 2009, a Serasa espera que o indicador ainda feche em alta de dois dígitos.

(Valor)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host