UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

30/09/2009 - 12h30

CNI melhora previsão do PIB de 2009 e espera crescimento zero

SÃO PAULO - A força do consumo interno levou a Confederação Nacional da Indústria (CNI) a melhorar sua previsão para o Produto Interno Bruto (PIB) de 2009. Agora, a entidade espera crescimento zero, mesma previsão de março. Na estimativa anterior, de junho, a aposta era de retração de 0,4%.

De acordo com relatório da entidade, o aumento de 2,1% no consumo das famílias ocorrido no segundo trimestre foi o principal motivo para a revisão. A oferta de crédito, o crescimento da massa salarial - principalmente do setor público -, os programas sociais do governo e a desoneração tributária de alguns produtos impulsionam a demanda. A projeção da CNI é de que o consumo termine 2009 com expansão de 2,4% sobre 2008. O que ainda restringe as expectativas da entidade para o PIB é a debilidade dos investimentos. Os técnicos da CNI aumentaram a projeção de queda dos investimentos produtivos neste ano (representados pela formação bruta de capital fixo) de 9% para 12,8% entre as previsões de junho e setembro. " Mesmo com o crescimento da demanda, os investimentos ainda não se recuperaram " , diz o Informe Conjuntural da CNI, divulgado hoje.

(Paula Cleto | Valor)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host