UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

30/09/2009 - 20h24

Plenário do Senado aprova nome de Toffoli para o Supremo

BRASÍLIA - Por 58 votos a favor, 9 votos contrários e 3 abstenções, o nome do advogado-geral da União, José Antônio Dias Toffoli, foi aprovado pelo plenário do Senado para ocupar uma vaga no Supremo Tribunal Federal (STF). Toffoli contou com votos de governistas e oposicionistas. Durante a votação, o líder do governo no Senado, Romero Jucá (PDMB-RR), articulou para que a apreciação ocorresse de forma rápida.

O líder do PSDB, senador Artur Virgílio (AM), destacou que apenas um dos senadores do partido não compareceu à votação. Destacou, no entanto, que o PSDB deu 13 votos para a aprovação da indicação de Toffoli, feita pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Antes, o nome de Toffoli havia sido aprovado por 20 votos a três na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado, que o sabatinou por sete horas.

Diante do resultado da CCJ, o líder do DEM, senador José Agripino (RN), liberou a bancada para votar como quisesse. "Não há posição partidária a esse respeito. Assistimos com muito respeito à sabatina do ministro Toffoli e a bancada está liberada para votar de acordo com sua consciência", disse Agripino, durante a votação.

A data da posse ainda não está marcada. O Senado agora mandará de volta ao presidente da República a mensagem com a aprovação do nome. Depois disso, Lula deverá enviar a indicação para o Supremo. O STF é que se encarregará de marcar a data para a posse do novo ministro. (Agência Brasil)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host