UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

30/09/2009 - 19h37

Setor produtivo se mostra mais confiante em agosto, mostra Ipea

RIO - O setor produtivo brasileiro se mostrou confiante em agosto, de acordo com o Sensor Econômico, divulgado hoje pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea). O indicador passou para 23,2 pontos, contra 16,3 pontos em julho, o que representou a sexta alta seguida e o melhor resultado da série, iniciada em janeiro.

Com o avanço de agosto, o Sensor Econômico - que analisa as expectativas econômicas e sociais de 115 entidades do setor produtivo nacional - entra pela primeira vez na zona considerada pelo Ipea como confiança. Segundo o Ipea, o ritmo de alta das expectativas aumentou a partir de junho.

Entre os quatro componentes do Sensor Econômico, os Parâmetros Econômicos, com 48,9 pontos; e as Contas Nacionais, com 30,9 pontos, também ficaram na faixa de confiança, que vai de 20 a 60 pontos. O Ipea frisou que apenas os Parâmetros Econômicos, que registrou 49,03 pontos em julho, não melhoraram em agosto.

No quesito Contas Nacionais todas as variáveis consideradas contribuíram para a quarta alta seguida do índice, que era de 17 pontos em julho. "Particularmente importante foi o aumento da confiança na trajetória do produto industrial e das exportações", ressalta o comunicado do Ipea.

Já o Desempenho das Empresas, com 13,4 pontos; e o Aspecto Social, com -0,3 pontos, mantiveram-se na área de apreensão, que varia entre -20 pontos e +20 pontos. Apesar de não subir de nível, o Desempenho das Empresas apresentou a sexta melhora seguida, avançando em relação aos 4,02 pontos de julho.

"A confiança do setor produtivo nas contas nacionais e nos parâmetros econômicos poderá, nos próximos meses, também se refletir sobre o desempenho das empresas", diz o Instituto.

Já o índice do Aspecto Social também prosseguiu em trajetória de crescimento, mas em ritmo inferior aos demais. Segundo o Ipea, a elevação se deveu à melhora na avaliação da massa salarial real para os 12 meses seguintes, mas não houve alteração nas expectativas quanto à violência.

(Valor)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host