UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

01/10/2009 - 10h13

Confiança dos empresários japoneses sobe, mas investimentos devem cair

SÃO PAULO - O sentimento dos grandes empresários manufatureiros do Japão apresentou melhora no trimestre encerrado em setembro, mas as perspectivas de investimento ainda recuam. Foi o que revelou hoje o Banco Central do Japão (BoJ), por meio da pesquisa Tankan. O indicador que mede a confiança desse segmento ficou em 33 pontos negativos no período, para os grandes empresários, mostrando um avanço ante os 48 pontos negativos registrados no trimestre anterior. Pela metodologia do indicador, o resultado negativo mostra que a porcentagem de empresas que afirmam que as condições de mercado estão boas é menor do que as que acreditam que há condições ruins para os negócios.

Entre as companhias ligadas ao setor de serviços, de acordo com o levantamento, o índice de confiança também cresceu no trimestre, de 29 pontos negativos para 24 pontos negativos. A pesquisa revelou ainda que as grandes companhias reviram seus planos de gastos com bens de capital e esperam agora cortar os desembolsos em 10,8% no ano fiscal terminado em março do ano que vem, uma expectativa mais pessimista do que os cortes de 9,4% projetados na pesquisa anterior. (Vanessa Dezem | Valor com agências internacionais)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host