UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

05/10/2009 - 12h17

Setor de serviços da zona do euro tem primeira expansão em 16 meses

SÃO PAULO - O setor de serviços nos países da zona do euro apresentou expansão em setembro. Segundo revelou o índice de atividade do setor de serviços, calculado pelo instituto Markit, este foi o primeiro crescimento da atividade no setor desde maio do ano passado. O índice saiu de 49,9 pontos em agosto para 50,9 pontos em setembro, o maior patamar desde abril de 2008. Pela metodologia da empresa de pesquisas, o nível dos 50 pontos marca a estabilidade do setor, dividindo uma situação de expansão, quando o indicador está acima desse patamar, de uma contração da atividade, quando está abaixo. De acordo com o levantamento, os resultados foram liderados pela França e pela Alemanha. Por outro lado, foi verificada uma redução da atividade na Espanha, Itália e na Irlanda, sendo que a Irlanda foi o único país a registrar uma aceleração do declínio na passagem do mês. "Setembro também marcou o retorno ao crescimento de novos negócios no setor de serviços da zona do euro. A confiança nos negócios atingiu a maior alta em 44 meses", informou o Markit, em relatório. Os dados para o emprego na região, no entanto, voltaram a piorar e agora já acumulam retração por 15 meses consecutivos. "O setor de serviços da zona do euro quebrou 15 meses de contração, mostrando um retorno ao crescimento em setembro. Entretanto o avanço foi modesto, sinalizando que a recuperação se espalhou do setor manufatureiro para o de serviços", concluiu o economista-chefe do instituto Chris Williamson.

(Vanessa Dezem | Valor)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host