UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

06/10/2009 - 18h54

Comércio nacional fecha setembro com estabilidade, diz Serasa

SÃO PAULO - A atividade do varejo nacional fechou setembro sem variação em relação a agosto, mês em que havia aumentado 0,7%. O Indicador de Atividade do Comércio, medido pela Serasa Experian, vinha apresentando alta há sete meses consecutivos e retoma nesta edição o comportamento verificado em janeiro deste ano. Na medição do mês passado, três dos seis setores pesquisados apresentaram baixa em relação a agosto. Assim, nem mesmo a alta de 6,5% nas vendas de veículos, motos e peças foi suficiente para compensar outras baixas como a retração de 2,1% no segmento de tecidos, vestuário, calçados e acessórios. No setor de material de construção o recuo no nível de atividade foi de 0,3%, enquanto no segmento de móveis houve recuo de 0,6%.

Na ponta positiva, o setor de combustíveis e lubrificantes registrou aumento de 1% nas vendas, enquanto o comércio nacional de supermercados, hipermercados, alimentos e bebidas fechou o mês praticamente estável, com alta de 0,1%.

No acumulado deste ano, a atividade varejista no país registra aumento de 4,4% até setembro. No confronto com o mês de setembro de 2008, a alta foi de 5,6%, o que representa uma desaceleração frente ao aumento de 6,3% na comparação entre os meses de agosto deste ano e de 2008.

Para os técnicos da Serasa Experian, o fim do ciclo de cortes da taxa de juros, bem como de alguns estímulos fiscais de combate à crise devem justificar, a partir de agora, taxas mensais de crescimento menos intensas do que a média registrada no período de maio a agosto deste ano, cuja média foi de 1,1% ao mês.

(Valor)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host