UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

09/10/2009 - 10h40

Bovespa ensaia alta e dólar sobe a R$ 1,744

SÃO PAULO - O tom negativo do começo do pregão perde um pouco de força e a Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) tenta firmar posição em terreno positivo e buscar os 64 mil pontos. Por volta das 10h30, o Ibovespa apontava leve aumento de 0,10%, aos 63.826 pontos, com giro financeiro de R$ 454 milhões.

A tentativa de alta por aqui pode esbarrar na instabilidade do mercado americano, onde o Dow Jones começou o dia com queda de 0,10% e o Nasdaq perdia 0,24%. Os agentes ainda não chegaram a um consenso sobre o pronunciamento do presidente do Federal Reserve (Fed), banco central americano, Ben Bernanke, que disse que só reverterá o curso e apertará a política monetária " quando a perspectiva de recuperação econômica melhorar o suficiente " .

A reversão das medidas de estímulo é um ponto de grande preocupação no mercado, já que a enorme quantidade de dinheiro injetada na economia durante a fase mais aguda da crise é o que explica boa parte dessa forte valorização nos ativos de risco agora em 2009. No mercado de câmbio, o discurso de Bernanke deu algum fôlego à moeda americana, que ganha terreno sobre o euro e a libra. Por aqui, o dólar também avança, depois de fazer novas mínimas para o ano na casa de R$ 1,74. Há pouco, o dólar comercial valia 1,744 na venda, alta de 0,28%.

De volta à Bovespa, Petrobras PN liderava o volume, avançando 0,60%, para R$ 35,63, maior preço desde julho do ano passado. Vale PNA subia 0,12%, a R$ 38,65. Destaque para o papel PN da GOL, que aumentava 2,11%, para R$ 17,51. O preço de emissão das ações da companhia na oferta primária e secundária foi fixado em R$ 16,50, um desconto sobre o fechamento de ontem. Nesses casos, normalmente, o papel ajusta para baixo e não para cima. Contribuindo para a variação positiva do dia, Usiminas PN ganhava 0,30%, a R$ 49,05, BM & FBovespa ON subia 0,43%, a R$ 13,81, e Bradesco ON tinha acréscimo de 0,95%, a R$ 35,89.

Na ponta vendedora, Vivo PN devolvia parte da alta de ontem e verficava recuo de 3,30%, a R$ 48,22. Brasil Telecom Part PN perdia 1,57%, a R$ 19,42, e B2W Varejo ON cedia 1,15%, a R$ 52,89.

(Valor)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host