UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

05/11/2009 - 15h15

BCE vai retirar gradualmente medidas emergenciais, diz Trichet

SÃO PAULO - O presidente do Banco Central Europeu (BCE), Jean-Claude Trichet, deu fortes indicações de que a autoridade monetária está preparando a retirada das medidas emergenciais de injeção de mais dinheiro na economia do euro.

"Nem todas as medidas de liquidez serão necessárias na mesma extensão como no passado, uma vez que a economia se recupera", declarou durante coletiva de imprensa em Frankfurt, após o BCE manter a taxa de juros em 1%.

Segundo Trichet, as medidas extraordinárias de liquidez vão ser retiradas de maneira gradual e apropriada. Ele acrescentou que o Conselho de Governadores da instituição quer garantir que a liquidez oferecida seja absorvida visando conter efetivamente qualquer ameaça à estabilidade de preços no médio a longo prazo.

O dirigente do BCE notou que os últimos dados continuam sinalizando uma melhoria na atividade econômica no segundo semestre deste ano e que o banco espera que a economia da eurozona se recupere paulatinamente em 2010, embora existam incertezas.

(Juliana Cardoso | Valor, com agências internacionais)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host