UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

09/11/2009 - 18h52

Tempestade e dólar em queda impulsionam preços do petróleo

SÃO PAULO - Os preços do petróleo no mercado futuro fecharam em alta hoje, conforme cresceram os temores no mercado quanto à trajetória da tempestade tropical Ida. A tormenta avançou para o Golfo do México, onde estão instaladas grandes refinarias, e isso fez com que empresas como a Chevron tivessem de reduzir a produção. Ainda que a intensidade do fenômeno tenha diminuído, de furacão para tempestade tropical, a passagem do Ida pela região levou à evacuação de funcionários das refinarias. Outro fator que impulsionou as cotações foi a notícia de que os ministros das Finanças do G-20 se comprometeram em manter as medidas emergenciais para suas economias até que a recuperação esteja garantida. Isso colaborou para a desvalorização do dólar perante outras moedas e, como sempre acontece nessas situações, os preços de commodities cotadas na moeda americana subiram.

Em Nova York, o WTI para dezembro fechou em US$ 79,43, acréscimo de US$ 2. O contrato do primeiro mês de 2010 subiu US$ 1,98, para US$ 80,07.

Em Londres, o Brent com entrega em dezembro teve avanço de US$ 1,90, para US$ 77,77. O vencimento de janeiro de 2010 terminou a US$ 78,57, com elevação de US$ 1,95.

(Paula Cleto | Valor, com agências internacionais)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host