UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

11/11/2009 - 14h27

Inadimplência do consumidor cai pela 1ª vez no ano,diz Serasa Experian

SÃO PAULO - O indicador de inadimplência do consumidor calculado pela Serasa Experian caiu, pela primeira vez no ano, em outubro. O recuo foi de 0,5% em relação ao mesmo mês de 2008 - quando a crise econômica atingiu seus piores momentos. Os analistas da empresa ressaltam que em outubro do ano passado, produção, consumo, oferta de crédito e níveis de emprego pioraram por causa da crise. Neste ano, por outro lado, " os sinais de recuperação da economia têm favorecido a queda gradual da inadimplência " . No confronto com setembro, contudo, o indicador de inadimplência subiu 0,4%, movimento atribuído às compras para o Dia das Crianças. Os técnicos esperam que o pagamento da primeira parcela do 13º salário, agora em novembro, contribua para reduzir a inadimplência até o final do ano.

Nos dez primeiros meses de 2009, a inadimplência acumula elevação de 7,9% perante o mesmo intervalo do ano passado. A Serasa Experian prevê que, em todo o ano de 2009, o crescimento do índice seja menor do que os 8% verificados em 2008.

Ainda no intervalo janeiro-outubro, as dívidas com bancos representam a maior parte do endividamento do consumidor brasileiro, com 44,6% dos pagamentos em atraso e valor médio de R$ 1.342,93. Os cartões de crédito e financeiras vêm em seguida, com 36,2% das dívidas e média de R$ 371,36. Os cheques sem fundos respondem por 17,3% dos atrasos, com dívida média de R$ 988,66. A fatia dos títulos protestados é de 1,9%, com média de R$ 1.110,73. (Paula Cleto | Valor)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host