UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

17/11/2009 - 07h45

Mercado avalia saída de Torós e atividade nos EUA

SÃO PAULO - Um novo conjunto de dados vindos dos Estados Unidos deve centrar a atenção dos investidores nesta terça-feira, já que a agenda doméstica traz hoje apenas dados de inflação, variável que não têm sinalizado surpresas aqui no Brasil.

Ainda assim, os investidores devem repercutir a saída do diretor de Política Monetária do Banco Central (BC), Mário Torós. Em nota, o BC informou que Torós deixa o cargo "a pedido, por motivos pessoais". No lugar dele assume Aldo Luiz Mendes, que atualmente presidia a Companhia de Seguros Aliança do Brasil.

De volta aos indicadores, os agentes estarão de olho no ritmo da atividade industrial dos EUA referente a outubro. A expectativa é de aumento de 0,4% no período e aceleração do uso da capacidade instalada para 70,8%. Está prevista também a divulgação do Índice do Mercado de Habitação do país.

As duas variáveis são bem mais importantes do que os dados de inflação no atacado referente a outubro, que também serão apresentados pela manhã. Mesmo assim, os agentes acompanham para verificar se os números chegam em linha ou sinalizam algo novo. O consenso aponta para alta de 0,5% perante setembro.

Por aqui, a Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe) anuncia o desempenho do Índice de Preços ao Consumidor (IPC) da segunda quadrissemana de novembro. A Fundação Getúlio Vargas (FGV) divulga o resultado do Índice Geral de Preços -10 (IGP-10).

(Bianca Ribeiro | Valor)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host