UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

19/11/2009 - 10h35

Alencar diz que gostaria de disputar Senado

BRASÍLIA - O vice presidente da República, José Alencar, disse ontem no encerramento do 4º Encontro Nacional da Indústria que, se a saúde permitir, vai se candidatar ao Senado no ano que vem. Ele também afirmou que o povo brasileiro quer um terceiro mandato do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, mas, como isso é impossível, as pessoas vão seguir a indicação do presidente na eleição de 2010. " Não sou candidato. Estou em tratamento. Não posso levar meu nome aos palanques se não tiver absoluta segurança de que posso exercer o mandato. Não seria honesto. Se Deus me curar e se os eleitores quiserem, poderei ir ao Senado. Tenho saudades do Senado " , explicou.

Alencar também disse que termina seu mandato de vice presidente com 79 anos, o que torna, na sua visão, mais adequado um cargo no Legislativo. Ele avisou que não será candidato ao Executivo porque a agenda é muito pesada e seu estilo pessoal não deixa nada para os outros fazerem. Filiado ao Partido Republicano Brasileiro (PRB), Alencar pode deixar ainda mais confuso o quadro eleitoral em Minas Gerais. A maior dúvida, por enquanto, é o destino do governador Aécio Neves (PSDB). Se ele desistir de concorrer à Presidência da República, é considerado imbatível para conseguir uma das duas vagas ao Senado. Outros candidatos ao Senado são o ex-governador Itamar Franco (PPS), os ministros Patrus Ananias (PT) e Hélio Costa (PMDB), este se não for candidato ao governo do Estado. Ainda há a possibilidade de o senador Eduardo Azeredo (PSDB) tentar mais um mandato. O mesmo pode ocorrer também com o seu primeiro suplente Clésio Andrade (PR).

Ontem, ao falar no encerramento de evento da Confederação Nacional da Indústria, Alencar disse que vem recebendo elogios de muitas pessoas que achavam que ele morreria. Mas aproveitou a oportunidade para revelar que seus médicos estão surpresos com os resultados de exames que, recentemente, mostraram redução dos tumores que tem no abdome. " Não poderia falar isso porque as pessoas podem parar de falar bem de mim " , disse. (Arnaldo Galvão | Valor)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host