UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

19/11/2009 - 13h59

Danone reduz meta de vendas para os próximos três anos

SÃO PAULO - A fabricante de alimentos francesa Danone anunciou nesta quarta-feira que cortou sua meta de crescimento nas vendas para "no mínimo 5%" no médio prazo que, para a empresa, representa os próximos três anos.

A projeção foi feita pelo critério mesmas lojas, que exclui o impacto das flutuações do câmbio e aquisições. A meta anterior da companhia apontava para crescimento entre 8% e 10% nas vendas. A decisão, segundo informou a empresa, se deve à crise econômica global, que gerou uma mudança no padrão de comportamento do consumidor.

"O mundo 'do grande' acabou, e ainda está em processo uma fase de profunda transformação que terá um impacto duradouro na sociedade e no comportamento do consumidor em específico", afirmou diretor operacional da Danone, Emmanuel Faber. No primeiro semestre, a Danone experimentou um crescimento de 1,6% nas vendas, sendo que no mesmo período do ano passado, tinha registrado alta de 8,4%, quando divulgou receita de 15,22 bilhões de euros. No terceiro trimestre, houve uma alta de 7,1% nos volumes vendidos, que foi em parte compensada pela queda no valor dos produtos, resultando crescimento de 4,1% nas vendas. Para o segundo semestre todo, a Danone prevê avanço de 4%.

(Vanessa Dezem | Valor com agências internacionais)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host