UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

25/11/2009 - 13h48

Déficit do INSS sobe 39% em outubro em comparação com um ano antes

BRASÍLIA - O déficit previdenciário do INSS somou R$ 2,774 bilhões em outubro, o que representa uma queda real de 69,8% perante o resultado negativo de setembro, de R$ 9,194 bilhões. Porém, houve alta de 39,1% no comparativo de outubro do ano passado, quando o déficit ficou em R$ 1,99 bilhão.

No acumulado de janeiro a outubro, o déficit previdenciário somou R$ 41,990 bilhões, com elevação real de 16,98% perante mesmo período do ano passado, quando o déficit correspondeu a R$ 35,895 bilhões. O relatório divulgado há pouco pelo ministério da Previdência recorda que o déficit de setembro foi influenciado pelo pagamento da metade do 13º salário para aposentados com benefícios acima de um salário mínimo. Em outubro, o INSS registrou arrecadação líquida em contribuições urbanas e rurais de R$ 14,864 bilhões, pouco acima dos R$ 14,124 bilhões de setembro. Já as despesas com benefícios da Previdência totalizaram R$ 17,639 bilhões, abaixo dos R$ 23,3 bilhões registrados no nono mês de 2009.

Quanto ao acumulado no ano, houve R$ 141,274 bilhões em arrecadação líquida, superior aos R$ 135,016 bilhões de janeiro a outubro de 2008. As despesas com benefícios ficaram em R$ 183,265 bilhões, acima dos R$ 170,9 bilhões de um ano antes.

A meta oficial do governo para o déficit previdenciário em 2009 é de R$ 41,5 bilhões.

(Azelma Rodrigues | Valor)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host