UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

30/11/2009 - 07h37

Hondurenhos comparecem para votar

SÃO PAULO - A contestada eleição geral em Honduras, realizada ontem sob um governo golpista, teria registrado abstenção de 35%, menor que a eleição anterior, segundo o Tribunal Supremo Eleitoral do país. Se confirmado, o alto comparecimento pode favorecer a posição dos EUA de reconhecer o resultados das eleições para encerrar a crise política no país.

Até o fechamento desta edição, ainda não tinham sido divulgados resultados. As pesquisas de intenção de voto apontavam favoritismo de Porfírio Lobo, do conservador Partido Nacional.

O presidente Luis Inácio Lula da Silva reiterou de Portugal, onde participa da cúpula ibero-americana, que o Brasil não reconhecerá o resultado. " No caso de Honduras, o Brasil não tem porque repensar a questão. É preciso firmar posição sobre as coisas, pois isso serve de alerta para outros aventureiros. " (Valor, com agências internacionais)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host