UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

30/11/2009 - 09h27

Mercados de Dubai e Abu Dhabi fecham com fortes quedas

SÃO PAULO - Por causa de um feriado islâmico, os mercados acionários em Dubai e Abu Dhabi abriram hoje pela primeira vez desde que a notícia do Dubai World, holding do governo de Dubai, afetaram os negócios na quarta-feira da semana passada. As duas praças terminaram esta jornada com fortes baixas. O indicador acionário de Abu Dhabi caiu mais do que o de Dubai - o primeiro cedeu 8,24% e o segundo diminuiu 7,30%, a maior perda em uma única jornada em um ano.

Para um analista de mercado, contudo, essa situação já era esperada uma vez que os negócios nessas bolsas reagiram a matérias exageradas divulgadas pela imprensa ocidental. Ele acredita que o pregão de amanhã também deve ser parecido com o desta segunda-feira.

Ontem, o banco central do Emirados Árabes Unidos estabeleceu uma linha de liquidez emergencial e disse que apoia bancos estrangeiros e domésticos após o caso do Dubai World, que, na semana passada, pediu aos credores mais tempo para pagar suas dívidas.

Ao mesmo tempo pesou na confiança do investidor o anúncio do Banco Nacional de Abu Dhabi, que notou ter uma exposição de US$ 345 milhões ao Dubai World.

(Juliana Cardoso | Valor, com agências internacionais)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host