UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

22/12/2009 - 08h27

Confiança do consumidor cai em dezembro, aponta FGV

SÃO PAULO - A confiança do consumidor caiu em dezembro em razão de avaliações desfavoráveis com relação à situação presente e futura. O indicador da Fundação Getulio Vargas (FGV) marcou 112,3 pontos neste mês, seguindo os 115,1 pontos em novembro, em uma base com ajuste sazonal.

"Houve diminuição da satisfação com a situação atual da economia e das finanças pessoais, após sete meses de avanço", apontou o organismo, que também verificou uma diminuição no grau de otimismo para os próximos meses.

O Índice da Situação Atual (ISA) caiu 2,7%, indo de 123,9 pontos em novembro para 120,6 pontos um mês depois. O Índice de Expectativas (IE) declinou para 107,8 pontos, o menor nível desde maio de 2009, após registrar 110,4 pontos no penúltimo mês deste ano.

"A maior contribuição para a redução do ICC foi dada pelo quesito que mede a satisfação com a situação financeira da família", destacou a FGV em nota. Esse indicador saiu de 108,8 pontos para 104,1 pontos, a leitura mais baixa desde julho (102,9 pontos).

Quanto à avaliação da situação econômica local nos seis meses à frente, a parcela dos consumidores que preveem melhora foi de 29,9% para 26,5% em dezembro. A proporção dos entrevistados que esperam piora ficou em 9%, contra os 9,6% anteriores.

O ICC é composto por cinco quesitos contidos na Sondagem de Expectativas do Consumidor, realizada com base em um universo de 2 mil domicílios em sete das principais capitais brasileiras.

(Juliana Cardoso | Valor)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host