UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

22/12/2009 - 18h52

Microsoft perde processo sobre quebra de patente envolvendo o Word

SÃO PAULO - A Microsoft, acusada de quebra de patente envolvendo as versões 2003 e 2007 do Word pela i4i, uma pequena desenvolvedora de softwares de Toronto, perdeu uma apelação hoje. Em agosto, um júri do Texas tinha decidido a favor da companhia canadense, estabelecendo um pagamento de US$ 290 milhões à Microsoft. A corte de apelações reiterou essa decisão. Além disso, instituiu uma regra que impede a Microsoft de vender versões do Word com o software patenteado, que terá efeito a partir de 11 de janeiro do ano que vem. Entretanto, outras versões do Word não serão afetadas. A patente se refere a códigos XML (ou extensible markup language). Logo após a decisão da corte, a empresa de Bill Gates informou que irá adaptar o Word, com o objetivo de remover parte do aplicativo, que teria sido usado ilegalmente, e que continuará vendendo softwares do programa, um dos mais vendidos em todo o mundo. (Karin Sato | Valor, com agências internacionais)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host