UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

11/01/2010 - 18h44

Fed Minneapolis prevê crescimento um pouco maior da economia dos EUA

SÃO PAULO - O presidente do Federal Reserve (Fed, o banco central dos EUA) de Minneapolis, Narayana Kocherlakota, defendeu nesta terça-feira as medidas de estímulo econômico da autoridade monetária e afirmou que a economia dos EUA pode crescer um pouco mais neste ano.

Kocherlakota afirmou a uma plateia em Madison, no Estado de Wisconsin, que o avanço do Produto Interno Bruto (PIB) americano pode ficar perto dos 3% em 2011, diante de taxas muito baixas de inflação. No cenário atual, segundo afirma a autoridade, o Fed não deve começar a realizar arrocho na política monetária dos EUA. Ele negou que o programa de compra de títulos anunciado pelo Fed em novembro poderia gerar bolhas nos preços dos ativos. "Está claro para mim que a recessão e a recuperação teriam sido significativamente piores na ausência das ações do Fed", afirmou a autoridade. Kocherlakota respondeu ainda às críticas de que as medidas do Fed anteriores à crise teriam colaborado para as bolhas no mercado imobiliário que a ocasionaram. Ele lembrou que os preços das terras começaram a subir em 1996 e que, depois disso, não se pode considerar que a política monetária do Fed foi frouxa, já que a economia começou a entrar em recessão em 2001. (Vanessa Dezem | Valor, com agências internacionais)
Hospedagem: UOL Host