UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

11/01/2010 - 18h55

Seis membros da Otan morrem em ataques no Afeganistão

SÃO PAULO - Seis membros das forças militares da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan) que atuam no Afeganistão foram mortos hoje em confrontos com insurgentes, num dos piores dias para as forças estrangeiras no país em meses.

Entre os mortos havia três americanos, que faziam uma patrulha operacional no sul do Afeganistão, quando foram atacados pelos milicianos.

Outros dois soldados, um deles francês, morreram em outro ataque, ocorrido no leste do país. O sexto membro das forças militares foi morto por uma bomba em uma estrada no sul do Afeganistão. Com os eventos de hoje, o número de membros da Otan mortos no país este ano subiu para dez.

O presidente francês, Nicolas Sarkozy, condenou a "violência cega" no Afeganistão e expressou sua determinação em manter as forças francesas no país. A França já perdeu 37 soldados no Afeganistão desde 2001.

O presidente dos EUA, Barack Obama, determinou recentemente o envio de mais 30 mil soldados para reforçar o contingente da Otan no Afeganistão. (Téo Takar | Valor, com agências internacionais)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host