UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

14/01/2010 - 17h48

Dólar se aprecia pelo quarto dia seguido, para R$ 1,763

SÃO PAULO - Pelo quarto dia consecutivo, o dólar comercial ganhou força em relação ao real, ao se apreciar em 0,28%, cotado a R$ 1,765 na venda e a R$ 1,763 na compra. Com mínima de R$ 1,757 e máxima de R$ 1,774 , a moeda norte-americana fechou com o maior valor desde 22 de dezembro (R$ 1,782). Na semana, o dólar acumula valorização de 2,02%.

Na roda de "pronto" da Bolsa de Mercadorias e Futuros (BM & F), o dólar subiu 0,23%, para R$ 1,764. O volume atingiu US$ 27,500 milhões, enquanto os negócios no interbancário somaram US$ 1,300 bilhão.

O Banco Central (BC) deu continuidade às atuações diárias no câmbio, comprando moeda norte-americana em leilão no mercado à vista. A taxa de corte da operação desta quinta-feira correspondeu a R$ 1,7653.

O diretor de Gestão da Meta Asset Management, Henrique de La Rocque, avalia que o movimento de hoje não tem "grandes justificativas", mas acredita que a quarta alta seguida da moeda está sendo, em parte, influenciada pela expectativa em relação à atuação do Fundo Soberano.

"Ninguém sabe ao certo como o Fundo funcionará, mas todo mundo sabe que ele será mais um comprador no mercado, o que também ajuda a pressionar a moeda", apontou.

O diretor trabalha com um intervalo de R$ 1,70 a R$ 1,80 para a cotação do dólar neste ano. "O maior risco para a moeda sair desta banda é o de aumentar, passando o teto de R$ 1,80, por causa das eleições e do resultado fiscal do País. A piora das contas pode vir a assustar." (Beatriz Cutait | Valor)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host