UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

14/01/2010 - 09h24

Vendas no varejo avançam 1,1% no mês em novembro, aponta IBGE

SÃO PAULO - As vendas no varejo brasileiro cresceram 1,1% em novembro de 2009, perante um mês antes, quando tiveram elevação de 1,6%. A receita nominal registrou expansão de 1,3% no mesmo período. Os números são do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Com isso, observou o organismo, "o varejo completou sete meses consecutivos de crescimento para o volume de vendas e oito para a receita nominal".

No confronto mensal, sete das dez atividades registraram ampliação nas vendas, como Móveis e eletrodomésticos (5,9%), Material de construção (2,7%), Equipamentos e material para escritório, informática e comunicação (1,9%), Artigos farmacêuticos, médicos, ortopédicos, de perfumaria e cosméticos (1,2%) e Hipermercados, supermercados, produtos alimentícios, bebidas e fumo (1%).

"Já na relação novembro09/novembro08 (série sem ajuste), todas as atividades pesquisadas obtiveram aumento no volume de vendas, destacando-se com as maiores taxas de desempenho justamente as que mais se retraíram com os impactos iniciais da crise financeira internacional", sustentou o IBGE. Foram citados os casos, por exemplo, de Veículos e motos, partes e peças (37,1%) e Equipamentos e materiais para escritório, informática e comunicação (19,2%).

No comparativo com o penúltimo mês de 2008, as vendas subiram 8,7% e a receita nominal registrou elevação de 11%. No acumulado do ano, essas taxas foram positivas em 5,5% e 9,8%, na ordem. Em 12 meses, os avanços foram de 5,3% no volume de vendas e 9,8% na receita nominal.

No varejo ampliado, que inclui os segmentos de veículos, motos, partes e peças e de material de construção, as vendas subiram 0,6% e a receita nominal tiveram alta de 0,5% entre outubro e novembro de 2009. No acumulado do ano, os percentuais corresponderam a 6% e 6,9%, respectivamente.

(Juliana Cardoso | Valor)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host