UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

15/01/2010 - 08h05

Reservas de petróleo e gás da Petrobras caem 1,5% em 2009

SÃO PAULO - As reservas provadas de óleo, condensado e gás natural da Petrobras no Brasil e no exterior somaram 14,865 bilhões de barris de óleo equivalente (BOE) em 2009, ou 1,5% abaixo da marca de um ano antes. Essa redução, como explicou a estatal, se deve à exclusão das reservas da Bolívia no período. Vale ressaltar que esse dado atende aos critérios da Society of Petroleum Engineers (SPE).

"O pré-sal da Bacia do Espírito Santo está contribuindo com reservas de 182 milhões de barris de óleo equivalente. As descobertas do pré-sal da Bacia de Santos estão em avaliação, portanto, não estão contribuindo para os resultados de 2009", comentou a Petrobras em nota.


Pelo sistema de cálculo da Securities and Exchange Commission (SEC, comissão de valores mobiliários dos EUA), as reservas provadas aumentaram 9% no ano passado, na comparação com o calendário anterior, atingindo 12,143 bilhões de BOE.

Olhando apenas para o Brasil, as reservas provadas da Petrobras, em 2009, somaram 14,169 bilhões de BOE com base pelo critério SPE e 11,563 bilhões de BOE segundo critério SEC.

A empresa explicou que as diferenças entre as estimativas se devem aos critérios considerados, como preço de valoração do petróleo, prazo de concessão e reservas de gás, e à "não contabilização de projetos em estágio inicial de concepção para desenvolvimento da produção".

(Juliana Cardoso | Valor)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host