UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

19/01/2010 - 09h05

Fator vê potencial de alta de 24,6% para ação do PanAmericano

SÃO PAULO - A Fator Corretora atualizou sua projeção para o Banco PanAmericano e passou a dar recomendação " atraente " ao papel, com preço alvo de R$ 14,20 para dezembro de 2010. Isso representa um potencial de alta de 24,6% sobre o preço de fechamento de sexta-feira de R$ 11,40.

De acordo com a corretora, as principais mudanças nas projeções resultaram da venda parcial da participação acionária do Grupo Silvio Santos (GSS) para a Caixapar, subsidiária da Caixa Econômica Federal (CEF), que passou a deter 35,5% do capital total da instituição.

Na opinião dos analistas da corretora, a operação foi extremamente positiva para o PanAmericano, principalmente pela redução no custo de captação, aumento na originação de crédito, maior capacidade de explorar novos segmentos e utilização da rede de distribuição da CEF.

"Diante do ambiente positivo para o setor, o Panamericano deve se beneficiar das perspectivas favoráveis para o financiamento ao consumo e a inadimplência em 2010", destacou a corretora. A ação PN do PanAmericano encerrou a segunda-feira valendo R$ 11,76, alta de 3,15% sobre o valor de sexta-feira, que reduz o potencial de alta estimado para 20,75%. Desde que a CEF entrou para o capital do banco, em novembro no ano passado, o papel já ganhou 35%. Vale lembrar, também, que na fase mais aguda da crise, em novembro de 2008, o papel chegou a valer menos de R$ 2.

(Eduardo Campos | Valor)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host