UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

20/01/2010 - 10h40

Investimento externo direto soma US$ 25,949 bi em 2009

BRASÍLIA - A entrada de investimentos externos diretos (IED) líquidos no país foi de US$ 25,949 bilhões em 2009, montante pouco superior ao previsto pelo Banco Central (BC) para o ano passado, de US$ 25 bilhões. Na relação com o Produto Interno Bruto (PIB), o IED fechou equivalente a 1,65%. Em 2008, o ingresso atingiu o valor recorde de de US$ 45,06 bilhões (2,75% do PIB). Em dezembro apenas, foi registrada entrada de US$ 5,109 bilhões em investimentos externos diretos, bem abaixo dos US$ 8,115 bilhões apurados em igual mês de 2008.

Os dados levam em conta também os empréstimos intercompanhias, aqueles feitos pela matriz da multinacional para a subsidiária brasileira. Além disso, abatem as remessas feitas por conta de ganho do capital investido.

Do total ingressado em 2009, US$ 19,908 bilhões foram participação no capital. Foram contabilizadas também entradas líquidas de US$ 6,042 bilhões em empréstimos intercompanhias.

(Azelma Rodrigues | Valor)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host