UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

01/02/2010 - 11h54

Citi eleva preço-alvo de Lupatech, mas mantém recomendação neutra

SÃO PAULO - O Citigroup revisou alguma de suas estimativas para a Lupatech, empresa que fabrica equipamentos para o setor de óleo e gás. Apesar de manter a visão positiva para a companhia no longo prazo, em função da esperada demanda da Petrobras, o Citi acredita que 2010 e 2011 devem ser anos relativamente fracos em termos de resultados, devido ao tempo necessário para que as novas encomendas se transformem em lucros.

Apesar de estimar menor geração de caixa para a empresa, a premissa de um menor custo de capital aliada à expectativa futura de lucro resultou em uma elevação no preço-alvo do papel, de R$ 26,00 para R$ 33,00. Isso embute um potencial de alta de 13,4% sobre o valor de fechamento da ação na sexta-feira, de R$ 29,10. Por isso, a recomendação para o papel é "manter".

"Estamos neutros com relação ao setor de serviços de petróleo na América Latina e preferimos exposição direta às companhias de petróleo. Na América Latina, nosso papel predileto é Petrobras ON, para o qual damos recomendação de compra, com um preço alvo de R$ 56,00 em 12 meses " , disse o banco em relatório.

Como os analistas do banco acreditam que a recuperação dos ganhos da Lupatech será mais lenta do que a prevista anteriormente, a expectativa para a geração de caixa medida pelo Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) foi cortada de 20% a 40% entre 2009 e 2011.

(Eduardo Campos | Valor)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host