UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

09/02/2010 - 20h07

OAB cobra afastamento imediato de Arruda

SÃO PAULO - O presidente nacional da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Ophir Cavalcante, encaminhou hoje ao Procurador-geral da República, Roberto Gurgel, um ofício em que reforça o pedido de afastamento imediato ou a prisão preventiva do governador do Distrito Federal, José Roberto Arruda (sem partido).

"Sua permanência no cargo poderá ensejar dano efetivo à instrução processual", afirmou Cavalcante em nota. Arruda é considerado pela operação Caixa de Pandora, da Polícia Federal (PF) como o mentor do "mensalão do DEM", esquema de corrupção que envolvia o suposto pagamento de propina para parlamentares distritais. Para Cavalcante, não há mais ambiente para a permanência de Arruda no cargo, (Fernando Taquari \ Valor)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host