UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

10/02/2010 - 10h46

Indústrias Romi encerra 2009 com lucro

SÃO PAULO - O lucro líquido ajustado da Indústrias Romi caiu no quarto trimestre de 2009 e no fechado do ano. De outubro a dezembro, o lucro da empresa correspondeu a R$ 17,1 milhões, o que representou redução de 4,2% em relação ao mesmo período de 2008. Apesar da diminuição, o resultado apurado no trimestre possibilitou à companhia reverter o prejuízo acumulado nos nove primeiros meses. Desta forma, o lucro líquido com ajustes da Romi somou R$ 12,8 milhões em 2009, baixa de 88,7% ante 2008 (R$ 113,8 milhões).

Já a receita operacional líquida da empresa cresceu 4,5% do quarto trimestre de 2008 para igual intervalo de 2009, de R$ 166,17 milhões para R$ 173,6 milhões. Em 2009, a receita somou R$ 475,4 milhões, declínio de 31,7% ante 2008 (R$ 696,1 milhões).

O lucro antes de impostos, juros, amortização e depreciação (Ebitda, na sigla em inglês) ajustado da Romi cresceu 50,8% no último trimestre do ano passado, para R$ 22,9 milhões, enquanto a margem Ebitda ajustada subiu de 9,1% para 13,2% no período.

No ano passado, o Ebitda ajustado da companhia atingiu R$ 29,1 milhões, recuo de 76,2% ante 2008 (R$ 122,3 milhões), e a margem Ebitda ajustada diminuiu de 17,6% para 6,1%.

Os ajustes feitos pela empresa no balanço refletem a exclusão do ganho com a aquisição das subsidiárias da Sandretto, que teve efeito financeiro de R$ 19,316 mil no Ebitda e de R$ 12,773 mil no lucro líquido.

A empresa ainda apresentou um crescimento de 364,9% na entrada de pedidos do quarto trimestre de 2008 para o mesmo período de 2009, para um total de R$ 246,7 milhões. Na comparação com o terceiro trimestre de 2009, houve um aumento de 38%. No ano, a entrada de pedidos declinou 17,9%, ante 2008, situando-se em R$ 592,8 milhões.

As informações operacionais e financeiras da companhia foram preparadas de acordo com as Normas Internacionais de Informação Financeira (IFRS).

(Beatriz Cutait | Valor)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host