UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

10/02/2010 - 09h03

Lucro líquido da Vivo tem leve queda no 4º trimestre, para R$ 221,6 mi

SÃO PAULO - O lucro líquido da Vivo teve leve variação no quarto trimestre de 2009, no confronto com mesmo período de um ano antes. Entre outubro e dezembro do ano passado, a operadora de telefonia móvel ganhou R$ 221,6 milhões, recuo de 0,2% em comparação aos R$ 222,1 milhões dos três últimos meses de 2008.

O lucro antes de juros, impostos, depreciações e amortizações (Ebitda, na sigla em inglês) ficou em R$ 1,412 bilhão, expansão de 1,1% perante o R$ 1,396 bilhão apurado no quarto trimestre de 2008. A margem Ebitda foi de 32,7% em ambos intervalos.

A receita líquida cresceu 1,2%, de R$ 4,268 bilhões para R$ 4,319 bilhões. A receita líquida de serviços somou R$ 3,917 bilhões e a de aparelhos, R$ 402,6 milhões. Esses montantes eram, um ano antes, R$ 3,788 bilhões e R$ 479,5 milhões, nesta ordem.

Ao fim do quarto trimestre, a Vivo tinha uma base de clientes de 51,744 milhões, sendo 41,960 milhões em pré-pago e 9,784 milhões em pós-pago. O total implicou um crescimento de 15,1% no confronto com a marca verificada no encerramento do último trimestre de 2008, de 44,945 mil acessos, sendo 36,384 milhões em pré-pago e 8,561 milhões em pós-pago.

Em 2009 completo, a empresa teve lucro líquido de R$ 857,5 milhões, mais que o dobro dos R$ 389,7 milhões obtidos no exercício antecedente.

(Juliana Cardoso | Valor)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host