UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

10/02/2010 - 11h34

Peugeot Citroën sente efeito da crise e tem prejuízo maior em 2009

SÃO PAULO - A crise econômica afetou o desempenho da Peugeot Citroën em 2009. A empresa registrou uma queda de 2,2% na venda global de veículos, para 3,188 milhões de unidades. Também verificou prejuízo líquido mais marcado, de 1,161 bilhão de euros, contra uma perda de 363 milhões de euros em 2008.

A receita da Peugeot Citroën ficou 10,9% mais enxuta, somando 48,417 bilhões de euros no ano passado. O calendário foi marcado ainda por prejuízo operacional de 1,416 bilhão de euros, contra uma perda de 394 milhões de euros nos 12 meses anteriores.

"Os resultados financeiros de 2009 mostram um desempenho melhor no segundo semestre, mas ainda refletem a severidade da crise que afeta a indústria automobilística", observou a executivo-chefe da empresa, Philippe Varin, em nota disponível na página eletrônica da Peugeot Citroën.

Ele acredita que as condições de mercado vão continuar desafiadoras em 2010, mas que a companhia vai se beneficiar de seu plano para reduzir custos e melhorar o uso da capacidade.

(Juliana Cardoso | Valor)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host