UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

11/02/2010 - 09h54

Aécio pede licença do governo por 11 dias

BELO HORIZONTE - O governador Aécio Neves (PSDB) enviou um comunicado à Assembleia Legislativa pedindo licença até o dia 22 de fevereiro, para viagem ao exterior, de caráter particular e sem ônus para o Estado. Nesta quinta-feira, o vice-governador Antonio Junho Anastasia (PSDB), viajará à Zona da Mata, no sul de Minas, já na condição de governador em exercício. Anastasia deverá assumir o governo em caráter definitivo em março e disputará a reeleição.

A licença de Aécio ocorre dois dias depois de uma reunião com o atual presidente do PSDB, senador Sérgio Guerra (PE), e dois de seus predecessores, o governador alagoano Teotônio Vilella Filho e o senador Tasso Jereissati (CE), em que se discutiu a possibilidade de Aécio ser vice na chapa presidencial que deve ser encabeçada pelo governador paulista José Serra. Aécio já anunciou diversas vezes que pretende concorrer ao Senado, mas recebe pressões da cúpula tucana para aceitar a vice .

Anteontem, Aécio cumpriu uma agenda de inaugurações em Montes Claros, no norte de Minas, ao lado de Anastasia. Desde dezembro, o governador começou a percorrer o Estado com viagens quase semanais. Segundo informou a assessoria de imprensa do governo estadual, apenas em caso de uma ausência de mais de quinze dias seria necessária uma autorização formal da Assembleia. (César Felício | Valor)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host