UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

12/02/2010 - 12h59

Produção industrial da zona do euro declina 1,7% no último mês de 2009

SÃO PAULO - A produção industrial dos 16 países da zona do euro caiu 1,7% em dezembro do ano passado, na comparação com novembro, quando o indicador teve acréscimo de 1,4%. Os dados respeitam uma base ajustada sazonalmente.

Na comparação com dezembro de 2008, no entanto, a produção industrial da zona do euro declinou 5%, de acordo com levantamento do Eurostat, órgão oficial de estatísticas da União Europeia. Entre novembro e dezembro de 2009, na região da moeda comum europeia, a produção de bens intermediários caiu 2,4%, ao passo que a retração de bens de capital foi de 1,6%. Por outro lado, a produção de bens de consumo duráveis registrou alta de 0,7% e a de bens de consumo não duráveis avançou 1%. Energia cresceu 2,1% na zona do euro.

Ao longo do ano passado, o índice médio de produção apresentou queda de 14,9%, em relação a 2008. Por sua vez, nos 27 países da União Europeia, em dezembro, a produção industrial teve retração de 1,9%, com ajuste sazonal, depois de alta de 0,9% um mês antes.

Contra dezembro de 2008, houve baixa de 4,9%. Por fim, no acumulado de 2009, o índice médio de produção se contraiu 13,9%.

Considerando a passagem de novembro e dezembro, entre os membros da União Europeia que disponibilizaram dados sobre a indústria, a produção se retraiu em 12 deles, aumentou em seis e ficou estável na França. As quedas mais significativas foram observadas na Dinamarca (-5,2%), Irlanda e na Letônia (retração de 4,2% em cada), Polônia (-2,8%) e na Alemanha (-2,6%).

Em sentido contrário, os avanços mais significativos se deram na Lituânia (+2,3%), Portugal (+0,7%), Reino Unido (+0,6%) e na Espanha (+0,5%).

(Karin Sato | Valor)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host