UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

18/02/2010 - 16h39

Banco Votorantim lucra 11% menos em 2009

SÃO PAULO - O Banco Votorantim fechou 2009 com lucro líquido de R$ 801,7 milhões, uma queda de 11% sobre os R$ 901,8 milhões registrados um ano antes.

No ano, a carteira de crédito da instituição apresentou crescimento de 11,2%, para R$ 42,4 bilhões. Destaque para o segmento de varejo, que inclui a BV Financeira e BV Leasing, onde o avanço foi de 36,3%, para R$ 26,3 bilhões.

A instituição destaca que, apesar do crescimento da carteira, a qualidade do crédito permaneceu elevada. Em dezembro de 2009, as operações classificadas entre AA e C representavam 95,5% da carteira, uma leve redução ante os 97,1% registrados no mesmo período de 2008.

O banco fechou 2009 com rentabilidade anualizada sobre o patrimônio líquido médio de 12%. Já o patrimônio líquido somou R$ 7,1 bilhões.

No ano passado, a Votorantim Corretora teve crescimento de 11% no volume de operações, atingindo R$ 49 bilhões transacionados, o que gerou receitas de prestação de serviços, proveniente de corretagens, no montante de R$ 28,3 milhões, ainda assim menor que os R$ 31 milhões de 2008.

Já a Votorantim Asset Management obteve um crescimento de 20% na carteira sob gestão, que fechou em R$ 21,8 bilhões.

Vale lembrar que no ano passado o Banco do Brasil passou a deter 50% do Banco Votorantim. (Eduardo Campos | Valor)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host