UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

18/02/2010 - 13h52

Bovespa ensaia alta e retoma os 67 mil pontos; dólar cai a R$ 1,821

SÃO PAULO - As vendas perderam força e a Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) ensaia um novo pregão de alta nesta quinta-feira, confirmando a linha dos 67 mil pontos. Por volta das 13h50, o Ibovespa apontava leve valorização de 0,09%, aos 67.345 pontos, com giro de R$ 2,17 bilhões.

A bolsa brasileira mimetiza o mercado americano, onde os agentes superaram dados econômicos negativos e puxam leve alta de 0,19% para o Dow Jones. S & P 500 e Nasdaq ganhavam 0,13% e 0,09%, respectivamente.

O Ibovespa fez as mínimas do dia, aos 66.550 pontos, queda de mais de 1%, após a divulgação da inflação ao produtor e dos dados do mercado de trabalho americano.
Segundo o Departamento de Trabalho, o índice de preços ao produtor (PPI, na sigla em inglês) subiu 1,4% em janeiro, quase o dobro o previsto. Já o núcleo do indicador, que tira alimentos e energia da conta, aumentou 0,3%.

Também foi divulgado que os pedidos por seguro-desemprego subiram em 31 mil na semana passada, para 473 mil.
Há pouco, foi divulgado que o índice de indicadores antecedentes registrou elevação de 0,3% no mês passado, após acréscimo de 1,2% em dezembro de 2009.
Fechando a agenda, o Federal Reserve (Fed) da Filadélfia mostrou que a atividade industrial melhorou na região. O indicador que mede esse desempenho saiu de 15,2 em janeiro para 17,6 agora em fevereiro.
No mercado de câmbio, os vendedores passaram a pautar os negócios depois de um começo de pregão de maior cautela. Há pouco, o dólar comercial caía 0,38%, a R$ 1,821 na venda, depois de marcar R$ 1,839 na máxima.
Dentro do Ibovespa, a tentativa de alta era liderada pelas ações PNA da Vale, que subiam 0,56%, a R$ 44,54. Já Petrobras PN tinha leve valorização de 0,02%, a R$ 34,26.
Mais firmes na baixa, Itaú Unibanco PN devolvia 0,52%, a R$ 37,62, Bradesco PN recuava 0,46%, a R$ 32,35, e OGX Petróleo ON desvalorizava 0,84%, a R$ 17,50.

Destaque de alta para o papel ON da LLX, que marcava valorização de 1,29%, a R$ 9,38, Cyrela ON ganhava 1,10%, a R$ 23,89, e Gafisa ON aumentava 1,05%, a R$ 27,71.

No extremo oposto, TAM PN caía 1,95%, a R$ 35,13, TIM Part PN recuava 1,72%, a R$ 5,13, e Lojas Americanas PN devolvia 1,27%, a R$ 13,19.
Fora do índice, a ação PN da Telebrás tem o quarto maior volume do dia, movimentando R$ 72 milhões. O ativo ganhava 1,73%, a R$ 2,34. Com giro de R$ 40 milhões, Kepler Weber ON saltava 11,32%, a R$ 0,59.

(Eduardo Campos | Valor)

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host